Comunicado 25/9/2021

A disciplina de um Partido é importante para o seu crescimento e inerente desenvolvimento. O que é decidido, democraticamente, deve ser seguido por todos os filiados. Qualquer ideia contrária ao decidido pela maioria dos purpenses, deverá ser discutida internamente e não na praça pública. Da discussão nasce a luz. Contudo, em política, os assuntos internos têm espaço e tempo para serem debatidos: O PARTIDO.

Por isso, todas as redes sociais do Partido serão reivindicadas ou, se não forem cedidas as palavras-passe, encerradas junto das entidades competentes e dentro do espírito da Lei.

Ninguém deverá fazer publicações ou emitir opiniões em nome do PURP, sem que estas sejam as veiculadas pelo Partido.

A partir deste momento, serão feitas diligências, no sentido de recuperar as páginas existentes nas redes sociais, para que se uniformizem e transmitam os reais valores do PURP.

Caso não seja possível, essas serão encerradas compulsivamente e de acordo com a LEI.

É tempo de organização e de mudança. Só assim será possível sonhar com alguma representatividade na sociedade portuguesa. Afinal, foi para isso que o Partido foi criado, para defender interesses coletivos, para fazer intervenção política.

Vamos lutar pelos interesses dos nossos ex-combatentes, pensionistas, reformados e por todos os outros portugueses. Um país faz-se de todas as pessoas e de todas as gerações.

Não há combate vencedor sem estratégias definidas e delineadas. Não há vitória sem trabalho e empenho. Não há coletivo se apenas se pensar no próprio umbigo.

 

Vamos trabalhar!

 

Viva o PURP!